III Festival de Yôga de Alcochete

30-05-2018 17:30

Muito mais do que uma referência a nível nacional, com um cartaz completo de práticas diversas e de grande qualidade, para mim será sempre um marco importante neste meu percurso e na minha vida. Uma grande mudança se iniciou no ano passado, na segunda edição do Festival. Um chamamento, como se algo me "puxasse" e aqui estou hoje como parte integrante desta egrégora na III edição, quase um ano depois. Desta vez vivênciei estes 3 dias de forma diferente mas igualmente intensos. Foi com grande alegria que aceitei o convite da professora Paula Trigo de Sousa para ministrar uma prática, foi com grande alegria que pude participar de forma activa no Festival e com imensa gratidão por ali estar. Tão bem Integrados na Feira da Saúde em Alcochete, integrados no Centro desta Vila tão bonita, num espaço maravilhoso, num pequeno e acolhedor jardim rodeado de árvores centenares junto de uma Igreja igualmente bela. Um local não perfeito mas perfeitamente adequado e integrado harmoniosamente. Perto do Rio, junto da Terra, embalados pelo Vento e aquecidos pelo Sol. Feliz este encontro com os 4 elementos onde cada prática foi potencializada com esta connecção. Mas de todos a mais marcante foi sem duvida o passeio de barco. Junto do nosso grande mestre João Camacho embarcámos rumo ao nosso interior e á nossa mente inquieta, dual e inconstante..fomos rumo ás profundezas daquilo que ainda não acreditamos em nós próprios e ao potencial que não sabemos desenvolver e cultivar. "Reprogramação emocional", sim é possivel educar os nossos sentimentos e pensamentos, é possivel " reprogramarmo-nos" para uma vida menos tóxica, mais saudável e abundante. É possivel trazer á superficie todos os medos e inseguranças, tomar consciência disso e transformar essas emoções em catalizadores para uma nova forma de viver. Não são formulas mágicas, o Yôga não é uma formula mágica para fazer pessoas felizes. O Yôga visa apenas trazer á consciência quem somos e com isso todas as consequências adjacentes. Pela intensidade das práticas ao longo dos 3 dias, ainda hoje ressoam cá dentro os seus efeitos. E com isso cresce a vontade de mais, por um lado o turbilhão e o cansaço, por outro a necessidade de levar ao fundo a transformação e a mudança.
Obrigada ao nosso querido Mestre por tantos ensinamentos! Parabéns mais uma vez pelo lançamento do seu livro que tivemos o privilégio de assistir mais uma vez neste grande Festival junto da minha querida Professora Ana Bela Duarte da Silva que ajudou a concretizar este projecto. Obrigada minha querida Paula Trigo de Sousa, parabéns pela tua força e coragem, pela tua dedicação, pelo teu carinho e amor sentidos naquilo que fazes e transmites. Parabéns por este magnifico Festival que me fez chegar até vós! Parabéns a todos pelas práticas e demonstrações! Obrigada a todos por esta vivência!
Para o ano lá estaremos de novo, fortes e unidos :)❤

Lúcia Parracho